Central de vendas (11) 3977-4545

Consórcios

VantageTodo mundo já ouviu falar de consórcios e as vezes tem muitas dúvidas e não sabem como funciona esse novo método de compra de bens como imóveis, carros entre outros. Entenda como funciona o sistema de consórcios com a corretora Group Seguros.

 

Como funciona os Conscórcios?

 

Consórcios de Casa

Consórcios de Casa

O sistema de consórcios é um mercado baseado na união de pessoas físicas ou jurídicas, em um grupo fechado, com a intenção de formar uma poupança comum destinada a aquisição de bens móveis e imóveis por meio de um autofinanciamento. Este método tem crescido muito nos últimos anos devido a sua baixa taxa de juros que são muito menos que os financiamentos normais dos bancos. O funcionamento é assim: os compradores contribuem mensalmente com uma poupança para a aquisição do bem e do serviço do consórcio, com essas contribuições mensais parceladas periodicamente alguns integrantes do grupo podem ser contemplados com o crédito e comprar o bem. Resumindo, o consórcio é um meio de poupar em grupo, se você não precisa do bem de imediato é a forma mais economica de comprar os seus bens.

Como posso ser contemplado nos consórcios?

 

A contemplação é quando um membro do grupo recebe o crédito para aquisição do bem ou serviço, o valor que todos pagaram parcelados é voltado para algum membro ser contemplado, existem duas formas de contemplação:

 

Consórcios contemplação por sorteio

O sorteio é feito periodicamente (de acordo com o contrato) normalmente é todo mês, com todos os participantes ativos e em dia com seus pagamentos. Mesmo após a contemplação o membro sorteado é obrigatório a continuar participando com as mensalidades, para assegurar o direito para participar do sorteio verifique no seu contrato ou pergunte para seu corretor.

 

Consórcio contemplação por lance

  Após o sorteio, existe a contemplação por lance, isso é os membros do grupo podem oferecer lancer de determinados valores, o maior lance é contemplado, mesmo sendo contemplado o valor pago é abatido da sua mensalidade e o contemplado por lance continua pagando uma mensalidade com o valor reajustado para menos. Quando o consórcio for de imóvel residencial o membro do grupo pode utilizar o saldo da sua conta do FGTS para ofertar lance ou para complementar o valor.  

 

Formas de grupo de consórcio

 

Existem quatro formas de uma pessoa contratar um consórcio:
– Grupo em formação, neste caso a administradora esta reunindo as pessoas em um número suficiente para atingir o objetivo do consórcio;
– Grupo já formado, um grupo que já esta em andamento, isto é já teve o número de pessoas suficiente e já esta operando;
– Cota de transferência, você compra as cotas de um consorciado e assume os direitos e obrigações de quem esta substituindo.

 

Que tipos de bens podem ser comprados por consórcio?

 

O grupo de consórcio poderá ser para bens móveis, conjunto de bens móveis ou bem imóvel. Esses bens são diferenciados em seguintes classes:
– Classe I: veículo (automóveis, caminhonetas, utilitários, motocicletas, motonetas, ciclomotores, triciclos, buguies, microônibus, caminhões, tratores, ônibus entre outros), embarcações, máquinas, aeronave e equipamentos.
– Classe II: Eletroeletrônicos e demais bens móveis duráveis;
– Classe III: Bens imóveis que poderão ser residenciais, comerciais, rurais, construídos ou na planta e terremos, incluindo a reforma e imóvel vinculado a empreendimento imobiliário.

 

Prazos de duração dos Grupos

 

O prazo de duração de um grupo varia de acordo com o tempo que os consorciados acordam em pagar o crédito contratado, este período é pré-determinado pela administradora e estará claramente no contrato.

 

Data das prestações

O vencimento da prestação é decidida pela administradora, o consorciado precisa pagar na data indicada no contrato, a parcela é o valor mensal pago para administradora para juntar o valor de todos pagamentos e fazer a contemaplação e cobrar a taxa administrativa.

 

Antecipação de pagamento

 

No contrato estará todas condições de antecipação das suas parcelas. Existe dois tipos de quitação a direta e a inversa.

Na inversa, a antecipação do pagamento quitará as prestações vincendas a contar da última. Se for direta o valor antecipado indicará o número de parcelas consecutivas pagas, retomando-se a seguir os pagamentos a serem efetuados nas datas normais do vencimento.

 

Em caso de quitação de saldo devedor

 

Se por acaso o cliente quitar todo saldo devedor existem dois caminhos: se o cliente já adquiriu o bem ou não, Se sim ele precisará quitar tudo que falta para encerrar a sua participação no grupo. E em casos de clientes que ainda não foram contemplados eles precisam entrar em contato com o SAC para acertar as parcelas para voltar a participar dos sorteios e benefícios.

 

Fui contemplado como eu utilizo a carta?

 

Quando um cliente é contemplado por sorteio ou por lance ele recebe um valor da contemplação, ele pode utilizar o valor tanto para bens ou para serviços de acordo com o contrato assinado. Para realizar a compra é só indicar a vendedora ou prestadora de serviço e informar a administradora da sua compra formal com alguns dados:

 

Do contemplado:

 

– RG, CPF e Comprovante de Residência atualizado;

 

Da vendedora:

 

– Dados dos prestadores de serviço ou do bem como endereço;

– CPF/MF ou CNPJ/MF;

– Informações sobre o serviço, conjunto de serviços, bens e conjunto de bens da opção e as condições de pagamento acordadas entre o contemplado e o vendedor;

O segurado poderá utilizar até 10% do valor da sua carta para despesas extras do bem ou serviço, como transferências, registros cartoriais, tributos, seguros, instituições de registros entre outros. 

Em caso de comprar o imóvel residencial, o consorciado poderá vincular o seu FGTS para ofertar o lance e também para liquidar, pagar parte das prestações da sua dívida ou para complementar o crédito, conforme as regras atuais da Caixa Econômica Federal, órgão gestor do FGTS.

 

Falta de pagamento ou Atraso das parcelas

Como o consórcio é feito por um grupo, cada individuo depende da contribuição de todos participantes para cumprir com seu objetivo. Por isso no caso de atraso ou falta de pagamento de prestação terá para o consorciado devedor as consequências:
a) Não poderá votar na assembleias gerais extraordinárias;
b) Não poderá participar do sorteio;
c) Não poderá dar lance;
d) Arcará com juros de 1% a.m. e a multa de 2%, sobre as parcelas não pagas;
e) Se por acaso for contemplado e desde que não tenha utilizado a carta sua contemplação pode ser cancelada pela assembleia geral;
f) Se o não contemplado atrasar mais de uma prestação, poderá ser excluído do grupo conforme estiver no contrato;
g)Se o segurado já estiver na posse do bem e o atraso for superior a 30 dias, a administradora poderá executar as garantias fornecidas pelo consorciado, além de cobrar multa e os juros;

 

Dicas importantes em caso de atraso ou falta de pagamento das parcelas do seu Consórcio

 

– Procure a administradora e veja a possibilidade de fazer um acordo, ela não é obrigada a fazer um acordo e em alguns casos não poderá mesmo fazê-lo, entretanto a administradora fará o possível para ajudá-lo e também para ajudar todo o grupo;
– Se você não foi contemplado e perceber que não pagará suas prestações por algum motivo, entre em contato com a administradora e opte por um bem ou conjunto de menor valor para diminuir sua parcela e você ainda pode transferir sua cota para outra pessoa;

 

Exclusão de Consorciado do Grupo de Consórcio

 

Em caso de exclusão do consorciado a devolução dos valores pagos dependendo da forma que foi feita o contrato só será feita após a finalização do grupo. Lembrando que mesmo assim o cliente ainda pode sofrer uma multa pela quebra de contrato, pois esta quebra de contrato não afeta somente a administradora mais também todo o grupo.

 

Contrato de participação no Grupo de Consórcio

 

Cada administradora tem o seu contrato e ela criará vínculos entre o grupo de consorciados e destes com a administradora, para proporcionar a todos igual condição de acesso ao mercado de consumo de bens. Porém antes de assinar o contrato leia-o atentamente para conhecer seus direitos e obrigações.